Monday, June 21, 2010

Kaká

Hoje eu eu resolvi falar do meu jogador favorito aqui no blog. Já sei, vocês devem estar se perguntando porque ele é o meu jogador favorito né?! Muito bem a resposta é muito simples, além de ser um ótimo jogador ele é muito fofo e lindo e por tudo isso mereceu se tornar o meu jogador favorito e ter todo o meu carinho e admiração. Agora chega de rasgação de seda e vamos conhecer um pouco mais sobre ele:
Em 22 de abril de 1982 nascia em Brasília – Distrito Federal, Ricardo Izecson dos Santos Leite. Tá, você deve estar se perguntando quem é esse brasiliense? Bom, lá vai algumas dicas: Ele é um jogador de futebol meio campista e ganhou prêmios como o Bola de Ouro e Melhor jogador do mundo em 2007…E aí já sabe quem é?
 Ele é Kaká. Criado em São Paulo por uma família evangélica, desde pequeno se dedica ao futebol. Em 1994, com 12 anos, ele entra nas categorias de base do São Paulo. Em 2001, já conhecido como Cacá (ainda com ‘C’), ele desponta na final do Torneio Rio-São Paulo, o único título oficial que o São Paulo não havia conquistado. Ao entrar no decorrer do jogo, ele faz os dois gols da vitória de virada sobre o Botafogo em menos de cinco minutos. Logo, torna-se o novo xodó da torcida tricolor e consegue fazer uma volta triunfal ao futebol, já que no ano anterior, este sofreu um acidente que quase o deixou paraplégico. Em 2002, faz sua estréia com a camisa da seleção em partida contra a Bolívia. É convocado para jogar a Copa do Mundo, mas não chega a entrar em campo em nenhum jogo da competição em que o Brasil foi pentacampeão.
No ano seguinte, o desempenho do jogador em campo chama a atenção da Europa e o Milan o contrata por 8,5 milhões de dólares. Em apenas um mês já conquista a vaga de titular do time. Em sua primeira temporada completa na Europa, foi campeão italiano e o craque do campeonato.
Em 2005, faz um dos gols da vitória do Brasil contra a Argentina na Copa das Confederações. Fora dos campos, se casa com Caroline Celico. No mesmo ano termina em 10º na votação de melhor do mundo da Fifa. Em 2006, aumentaria duas posições no ranking, além de se tornar titular da seleção brasileira na Copa do Mundo, ele marca seu único gol na competição no primeiro jogo, contra a Croácia. Apesar do seu bom desempenho, a equipe é eliminada pela França. No mesmo ano, Kaká tem a oportunidade de assumir o nº 10 na camisa do Milan, mas prefere continuar com o 22.
E, pelas suas mensagens religiosas, foi em 2008 o único brasileiro a entrar na lista TIME 100 – lista anual das cem pessoas mais influentes do ano no mundo – indicado na categoria ‘Heróis e Pioneiros’, ao lado de nomes como Tony Blair e Peter Gabriel, é descrito pelo goleiro norte-americano Kasey Keller como ‘o jogador total’, além de ser ‘comprometido em deixar um impacto positivo no mundo à sua volta’.
Depois de seis anos no Milan, em 2009, Kaká deixa o clube da Itália e vai para o clube espanhol Real Madrid por 65 milhões de euros, quase 180 milhões de reais. O valor da transferência é um dos maiores  da história do futebol. Kaká segue brilhantemente em sua carreira e esse ano ele está lutando juntamente com os jogadores da seleção brasileira em busca da vitória na Copa do Mundo da África do Sul, tentando trazer para o Brasil o tão sonhado “hexa”.


Frases de Kaká :

"Ser comparado ao Raí é uma honra para mim"

"Não posso forçar a barra para ser titular"

"Tenho minhas responsabilidades dentro do grupo. Não é só festa"

"A função de marcar gols é dos atacantes. Sou o elemento surpresa"

"Eu namoraria a Sandy. Acho ela bonitinha. Mas não sou um cara namorador." (frase dita quando ambos eram solteiros)

"Não sou de sair a noite, prefiro ficar em casa. Mas gosto muito de ir ao cinema."

"Entrar e marcar é muito bom, mas começar jogando é muito melhor."



Mil Beijos!

No comments:

Post a Comment

Post a Comment

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Total Pageviews

Popular Posts